domingo, 4 de outubro de 2009

A Cabana

Sinopse: "As férias de Mackenzie Allen Phillips com a família na floresta do estado de Oregon tornaram-se num pesadelo. Missy, a filha mais nova, foi raptada e brutalmente assassinada. Quatro anos mais tarde, Mack, mergulhado numa depressão da qual nunca recuperou, recebe um bilhete, aparentemente escrito por Deus, convidando-o a voltar à malograda cabana.O que Mack vai encontrar naquela cabana mudará o seu mundo para sempre."
Na sexta-feira entrei numa livraria, dirigi-me à mesa das novidades, agarrei no livro A Cabana, paguei e saí...
Rapidamente comecei a ler, a ler e a ler, sem conseguir parar. Ao abrir este livro, na página 6, senti logo que esta história tinha algo de muito familiar que me iria prender. O seu prefácio cativou-me logo pela interacção que o narrador Willie tem com o leitor; somos chamados a "ouvir" este relato com muita atenção como se fosse a nossa própria vida ou a de um amigo.
"E se Deus marcasse um encontro consigo?"
Este livro, fenómeno mundial de popularidade, baseia-se numa questão central: a bondade de Deus. Mack, após a morte trágica da sua filha mais nova, encontra-se com Deus... e em conversas com o Pai, o Filho e o Espírito Santo, resolve os seus conflitos interiores.
Numa sociedade em que os valores estão em crise e em que todos têm medo das emoções, o sucesso deste livro reside numa escrita familiar, intimista e simplista sobre dilemas que nos assolam a todos, cada dia da nossa vida.
Como vivemos na mentira? Como conseguimos perdoar os que nos fazem mal? Como é possível acreditar em Deus, ter fé num Ser Superior, com tantas crianças a morrerem, com tantos homicídios...? Que tipo de relacionamento temos uns com os outros? Como é que Deus não faz nada para acalmar o nosso sofrimento? Porque morrem tantos inocentes?
"Quem vive dominado pelos medos não encontra liberdade no amor [de Deus]." p.142
"Muitos acreditam que é o amor que cresce, mas é o conhecimento que cresce, enquanto o amor simplesmente se expande para o conter." p.155
Acabamos de ler... queremos mais... e ficamos a pensar:
"e se fosse eu a ter um encontro com Deus?"

9 comentários:

Cristina Bernardes disse...

Decidi colocar aqui nos comentários, o link do post da Canochinha da Estante... Achei os comentários bastante pertinentes e podem ajudar os amigos da Floresta a formar uma opinião mais concreta sobre este livro.

http://estante-de-livros.blogspot.com/2009/09/cabana_28.html

Independentemente da nossa crença religiosa, as questões levantadas no livro permitem-nos reflectir sobre a sociedade do século XXI.

Só tenho pena que a revisão do livro não tenha sido um pouco mais cuidada, encontrei algumas gralhas gráficas, ex: "dessse".

Tinkerbell disse...

hoje foi uma tortura para dizer não a este livro é que já tinha comprado outros e dp vi este livro e queria mesmo, parece uma história fascinante!

Tatiana disse...

há um miminho à vossa espera no meu cantinho para ser recolhido ;)
beijinhos!

Marta disse...

Nossa, disse que não adquiria mais livrinhos nos próximos três meses. Agora a ler estes comentários, não sei como vou resistir... Bem que tentação.
Adorei a sua resenha e realmente este livro vai ter de fazer parte da minha estante.
Continuação de boas leituras
Beijinho

Marta disse...

Ola
Deixei um selinho no meu cantinho.
Beijinho
Boas leituras

Diana Barbosa disse...

Tens um selinho para o teu blog no meu Refúgio dos Livros :D

Jojo disse...

Olá!
Amei o vosso blog!
Além de o conteúdo ser fantástico, o layout é lindo!

Quanto a este livro, sempre que vou à livraria ele chama por mim.
Algum dia vai vir para casa.

Bjinhos*


http://devaneiosdajojo.blogspot.com/

Kátia Ruivo disse...

sou apaixonada por esse livro, um dos melhores que já li nos últimos anos.
Leitura para todos os tipos de pessoas, de todas as idades.

bjs

Rute disse...

este livro está em todo o lado e tenho andado vai não vai para o comprar... depois de ler estas opiniões vai ser difícil resistir!