quinta-feira, 14 de maio de 2009

A leitura

“Leia vagarosamente, bovinamente, ruminando, brincando com as palavras, sem querer chegar ao fim, como se estivesse fazendo amor com a pessoa amada. A leitura leva-nos por mundos que nunca existiram e nem existirão, por espaços longínquos que nunca visitaremos. É desse mundo diferente, estranho ao nosso, que passamos a ver o mundo em que vivemos de uma outra forma.”
Rubem Alves, via Isilda Afonso.

5 comentários:

Livros e Outras Coisas disse...

Não conhecia a citação, mas conheço bem a sensação tão aprazível de navegar assim pela leitura, aos poucos, saboreando todas as passagens, regressando a outras, imaginando os lugares compostos por palavras - mesmo que recriem sítios reais, são outros, também. :)
Gostei, Cristina. :)

Marta disse...

Olá Cristina

"Em muitas ocasiões a leitura de um livro fez a fortuna de um homem, decidindo o curso de sua vida." (Ralph Waldo Emerson)

Adorei
Beijinhos

Marta disse...

Mais uma, das minhas preferidas...

"A leitura de um bom livro é um diálogo incessante: o livro fala e a alma responde." (André Maurois)

Beijinho

Diana disse...

Que palavras tão bonitas, e é assim que deveria ser lido um livro. Afinal são os livros que nos conseguem abstrair deste mundo tão louco em que vivemos!

Lídia Valadares disse...

Cumpri rigorosamente todas as indicações de Rubem Alves e li esta reflexão sobre a leitura, vagarosamente, ruminando, degustando as palavras, sem querer chegar ao fim...e fiquei deliciada. É,efectivamente,através da leitura que passamos a ler o mundo de uma outra forma.
Obrigada por esta magnífica partilha.

Lídia Valadares