segunda-feira, 25 de maio de 2009

Não resisto, tenho de partilhar...

Quem ama é diferente de quem é
Todos dias agora acordo com alegria e pena.
Antigamente acordava sem sensação nenhuma; acordava.
Tenho alegria e pena porque perco o que sonho
E posso estar na realidade onde está o que sonho.
Não sei o que hei de fazer das minhas sensações.
Não sei o que hei de ser comigo sozinho.
Quero que ela me diga qualquer cousa para eu acordar de novo.

Quem ama é diferente de quem é
É a mesma pessoa sem ninguém.

O Pastor Amoroso / Alberto Caeiro in Citações e Pensamentos de Fernando Pessoa, p.168.

6 comentários:

Maggie disse...

Fernando Pessoa é magistral e Caeiro o meu heterónimo preferido, o que vive a vida tranquilamente e a vive pelas sensações - daí ser considerado por Fernando Pessoa como o Mestre.

Lindo! Obrigada por partilhar :)

Bjs

Maggie disse...

Só mais uma coisa de que me esqueci. Sempre gostei deste blog, mas esta nova "cara" está linda!

Parabéns!

Cristina Bernardes disse...

pois é Maggie, concordo também contigo... de todos os heterónimos, Alberto Caeiro é o meu preferido.

SP disse...

Comprei este livro ontem. Já andava debaixo de olho desde que saiu.
De certeza que vou adorar!
Adoro Fernando Pessoa!

Miar à chuva disse...

Em primeiro lugar deixa-me te dizer que ADORO a nova imagem do blog. É leve, fresca e tem uma boneca linda e bem disposta.
Quanto ao poema, que eu não conhecia, é absolutamente maravilhoso!

S. do blog Vidas Desfolhadas
http://vidasdesfolhadas.blogspot.com/

O meu olhar disse...

LINDO! LINDO! LINDO!beijos